Nunca na história recente a elite esteve tão fragilizada.

“Nunca na história recente a elite esteve tão fragilizada. A oportunidade de proclamar a República, apenas anunciada em 1889, pelo marechal Deodoro da Fonseca, é agora – entendendo-se o agora no interior de um processo histórico. A insatisfação popular chegou ao ápice. Não há quem defenda com entusiasmo a ordem atual.Suporta-se,apenas isso.
Em outras palavras, sabe-se o que não quer, mas não o que quer.” Marco Antonio Villa.

6 comentários sobre “Nunca na história recente a elite esteve tão fragilizada.

  • Villa , boa tarde !!!!
    Você sumiu , está tudo bem ?
    Sentindo falta de seus comentários no Jornal da Manhã.
    Um abraço.

  • A Corrupção corrói todas as estruturas, do individuo até de uma nação.Tratando-se de corrupção crônica -O líder do PT e das “esquerdas”brasileiras = Lula.Bem que poderia decretar a extinção de todos os partidos esquerdopatas -E forma uma única seita.

  • Desculpe-me professor,mas,considero que essa tal “elite” nunca esteve tão forte -Pois é do mau!!!.E as consequências das atitudes desta – Já estão presentes na vida do povo brasileiro.

  • Bom dia. Prof. Dr. Villa. Como poderemos ter políticos bons se o povo é ruim. Pé de manga produz manga. Votar em quem? mudar a republica como?abc

Deixe uma resposta

You have to agree to the comment policy.