O ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, afirma não ter culpa do caos financeiro no Rio e critica o atual governador do estado, Pezão.

Nos hospitais do Rio falta o básico, a Segurança Pública é desastrosa, e nos transportes tem a figura de Jacob Barata Filho, rei do ônibus, preso e solto três vezes.

Cabral não pode mais voltar a circular por qualquer rua do Brasil e do mundo.