Querem legalizar o jogo no Brasil, alegando que os impostos produzidos pelo jogo iriam para a Segurança Pública.
Dinheiro de crime para Segurança Pública. Só no Brasil!
Muitos governadores já se mostraram favoráveis, sem levar em conta que a legalização do jogo traz tráfico, prostituição, lavagem de dinheiro, além da destruição de famílias.
O “jogo de azar” ficou proibido no Brasil durante a presidência Dutra.