Anitta e a República dos Rastaqueras, representam a decadência cultural do Brasil.

Um país que não tem museus, bibliotecas e muito menos uma política cultural.

A música “Vai malandra” é reacionária, desqualifica a mulher com a mercantilização e exploração de seu corpo.

Além disso, idealiza a favela que é uma vergonha nacional com terríveis condições de vida para muitos brasileiros que alí vivem.

Chega de importar porcarias dos Estados Unidos.

Vamos retomar nossas tradições na música, artes plásticas e literatura.

Anitta não representa o Brasil e as mulheres brasileiras.

Anitta representa os rastaqueras.