Ernesto e Fernando saíram. Agora só falta o Bolsonaro.

Bolsonaro prepara um golpe de Estado.
Demissão do general Fernando é um artifício para Bolsonaro controlar o “seu” Exército.
Queda de Araújo não significa que mudará a política externa.
Bolsonaristas incitam motim nas PMs.
A crise política vai se agravar.

Deixe uma resposta

You have to agree to the comment policy.