Mais uma vitória contra o PT!!

Em um processo, o PT queria censurar quatro comentários da campanha de 2014 e receber 70 mil reais de indenização.

Perderam, mais uma vez. Aproveito para agradecer o Dr. Alexandre Fidalgo.

Juiz nega pedido de indenização do PT por comentário em rádio.

PT cobrava indenização.

O Tribunal de Justiça de São Paulo acaba de negar um pedido de indenização do Partido dos Trabalhadores contra o comentarista Marco Antonio Villa, da Rádio Jovem Pan, feito na véspera das eleições de 2014.

“Estamos vivendo um momento muito delicado do debate de ideias. Há um nevoeiro de censura no ar. Há propostas para restringir a liberdade de expressão, controlar a atividade da imprensa e limitar a liberdade de cátedra”, diz a juíza Monica de Carvalho em decisão.

Marco Antonio Villa foi representado pela Fidalgo Advogados.

Confira no site de “Veja”:

https://veja.abril.com.br/blog/radar/juiza-nega-pedido-de-indenizacao-do-pt-por-comentario-em-radio/

10 comentários sobre “Mais uma vitória contra o PT!!

  • Quem conhece história, faz história. Quem não conhece repete os erros da história…Parabéns professor Villa.

  • A demonstração de compadrio e perfeita HARMONIA entre o Legislativo e o Judiciário se confirmou-Os parlamentares votaram o AUMENTO nos proventos dos magistrados.Em troca os ministros do stf -EXTERMINAM a operação Lava a Jato!!!!.

  • Os principais corruptos brasileiros tem sua FUNDAÇÃO – Em contrapartida quem combate há 5 anos esta mesma CORRUPÇÃO está proibido de ter a sua FUNDAÇÃO.Inversão de valores.Merval o Brasil não está dividido.Está dominado pelos corruptos.

  • A verdade , a honestidade e a democracia estão presas com o dono delas=Lula Jararaca!.Imaginem se esse mesmo Lula tivesse conquistado todos os elementos necessários a uma “venezuelização” do Brasil!

  • Com base nas palavras de representantes da mídia lulista(no Brasil a esquerda é Lula) o Jair Bolsonaro não pode nem pensar diferente deles em relação aos EUA.O governo venezuelano é ruim porquê não tem a Miriam Leitão como vice presidente.

Deixe uma resposta

You have to agree to the comment policy.