Miguel Reale Jr: “Bolsonaro é caso de interdição e não de impeachment.

Deu no “Terra”:

“Um dos autores do pedido de impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff, o jurista Miguel Reale Jr. fez duras críticas ao atual presidente, Jair Bolsonaro, nesta segunda-feira. Em entrevista à Rádio Guaíba, Reale se mostrou indignado com as declarações recentes de Bolsonaro, que atingiram o presidente da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), Felipe Santa Cruz.

Estamos, realmente, em um quadro de insanidade da mais absoluta. Não é mais caso de impeachment, mas de interdição”, disparou Reale. “É um fato gravíssimo. Há mais de um ano, disse que quem fosse democrata não deveria votar no Bolsonaro”, completou.

O jurista também prestou solidariedade ao presidente da OAB e afirmou que a fala de Bolsonaro “ofendeu todos que prezam pelos direitos humanos”. Reale ainda relembrou o discurso feito por Bolsonaro no voto pelo impeachment de Dilma, quando homenageou o coronel Carlos Alberto Brilhante Ustra, chefe do DOI-Codi do II Exército, em São Paulo, durante a ditadura militar.

Leia o artigo na íntegra:

https://www.terra.com.br/noticias/brasil/politica/miguel-reale-jr-critica-bolsonaro-apos-polemica-caso-de-interdicao,ea18f936e1aa4a45846b26771398ddd2d0fqm12z.html

 

Deixe uma resposta

You have to agree to the comment policy.