É incrível a hipocrisia de Sérgio Machado no documento da delação premiada. Vale, apenas, uma citação: “que ao final quero destacar que em nenhum momento os pagamentos de
vantagens indevidas se deram em detrimento aos interesses da Transpetro; que os valores orçamentários previstos sempre foram calculados de forma absolutamente técnica, sem nenhuma interferência junto a equipe para beneficiar qualquer empresa que não apresentasse a melhor proposta de preço e qualidade; que nunca se facilitou contrato, aditivo ou execução diferente
dos termos contratados; que a equipe técnica ou qualquer diretor ou gerente da Transpetro jamais teve qualquer envolvimento em ilicitude; que todos trabalhavam no sentido de que as normas fossem obedecidas tanto que a Transpetro teve todos os seus projetos aprovados pelos órgãos de fiscalização e controle; que diferente, portanto, da PETROBRAS, não havia nenhum tipo de cartel na Transpetro; que , além disso, a empresa teve um desempenho de gestão sempre reconhecido como eficaz com excelentes resultados financeiros, como evolução de faturamento e resultado ai em comparação com empresas privadas de referência; que a Transpetro foi premiada como a melhor empresa de logística do Brasil.” É inacreditável!!!

Clique aqui e se inscreva em nosso canal