Após a aprovação das medidas contra a corrupção na comissão especial da Câmara, líderes de quase todos os partidos – com exceção da Rede e PSOL – irão tentar derrubar o relatório apresentado e aprovar um projeto substitutivo no plenário. A votação, segundo os deputados, está prevista para esta quinta-feira (24), e deve incluir duas medidas polêmicas: a anistia ao caixa dois e a previsão de punição de magistrados e integrantes do Ministério Público Federal por crime de responsabilidade.