Lula Petrobras foto creditos
Um diálogo “republicano” de Lula e José Eduardo Dutra – à época, presidente da Petrobras – com a presença do deputado Pedro Correa (PP):
Lula: Ô Dutra, nós não nos comprometemos com o  PP, que indicou o doutor Paulo Roberto, já há algum tempo, para a Diretoria de Abastecimento da Petrobras? Por que até agora ele não foi nomeado?
Dutra: Porque esta mudança é um assunto complicado dentro da Petrobras. Estão (sic) havendo resistências, além de a competência não ser só minha para nomeá-lo.
Lula: De quem é a competência então?
Dutra: A competência é do conselho de administração da companhia. Da maioria dos conselheiros.
Lula: E quem nomeou a maioria dos conselheiros, Dutra?
Dutra: Você, Lula!
Lula: Então, que que você diga aos conselheiros que nomeei que se o doutor Paulo Roberto não estiver nomeado daqui a uma semana eu vou demitir e trocar esses conselheiros que nomeei.
Dutra: Mas, Lula, não é tradição da Petrobras, assim sem mais nem menos, trocar um diretor.
Lula: Dutra, se fôssemos pensar em tradição da Petrobras, nem você era presidente nem eu era presidente da República.”
Vale recordar: que Paulo Roberto Costa passou a ser conhecido na Petrobras como Paulinho do Lula. Paulo Roberto foi convidado para o casamento da filha de Dilma – “honra” concedida a muitos poucos convidados. Mesmo assim, ela disse que não o conhecia bem. Na festa Dilma estava usando um vestido cor… azul petróleo.

Clique aqui e se inscreva em nosso canal